terça-feira, 25 de junho de 2013

PERFEITA SUSPENSÃO


Contemplo as brumas do mistério

Silêncio

Perfeita suspensão

Não contempla o Criador a Criação?

Estabeleço a distância

Criando o abandono

Crio ausência

Deixo-a consigo

Entregue à perda

Criação

A Criação contempla-me

Do longe

Da distância

Do silêncio

Afogada nas brumas do mistério








(Estas fotografias, que fiz na Praia Grande, Sintra, em 1 de Dezembro de 2012, serviram de  inspiração ao texto, que aguardava sair das brumas do esquecimento há não sei quanto tempo)




Sem comentários:

Enviar um comentário